18/08/2017 - 12h53 | Atualizado em 22/09/2017 - 21h08
Por Administrador - admin@amapi.org.br

Conselheiros abordam independência do Poder Judiciário em evento para novos juízes

Encerrando a programação da posse de 13 novos juízes substitutos do Tribunal de Justiça do Piauí, foi realizado, nesta sexta-feira (18), um ciclo de palestras sobre a independência do Poder Judiciário e outros temas de interesse da magistratura. Luiz Cláudio Allemand e Norberto Campelo, ambos membros do Conselho Nacional de Justiça (CNJ), foram os palestrantes do evento, que contou a presença do presidente da Associação dos Magistrados Brasileiros, Jayme de Oliveira, além de desembargadores e juízes do Estado.

Primeiro palestrante do evento, Allemand comentou o trabalho realizado em parceria do CNJ com as associações de magistrados e tratou sobre a importância de uma magistratura unida para o desenvolvimento da prestação de serviços jurisdicionais. “Muito trabalho precisa ser realizado. Só gestão pública, profissional e planejamento estratégico garantirão o Judiciário mais forte e independente, atendendo os anseios da sociedade”, diz.

Já o conselheiro Norberto Campelo falou sobre as diretrizes do CNJ aos novos juízes empossados e parabenizou o trabalho incansável de todos os membros do Tribunal de Justiça do Piauí e projetou avanços do Estado no que diz respeito à produtividade. “Esperamos que, nos próximos dois anos, o Piauí cresça consideravelmente em produtividade. Está sendo feito um trabalho sério, planejado, que com certeza renderá bons frutos”, afirma.

Homenagem

Ainda durante o evento, o presidente da Associação dos Magistrados Piauienses, Thiago Brandão de Almeida, em nome de toda a Diretoria da instituição e demais membros do TJ-PI, entregou ao conselheiro Norberto Campelo uma placa de reconhecimento pelo trabalho realizado como membro do CNJ.

“Reconhecimento mais que merecido. O conselheiro Norberto desenvolve um grande trabalho no Conselho e nada mais justo que prestá-lo uma singela homenagem pela brilhante atuação”, conclui Thiago Brandão de Almeida.